Total de visualizações de página

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Finanças & Gado





Olá amigos,

No último post comentei sobre um investimento na criação de animais.
Então lá vai. Efetuei a compra de bezerros para recria. Um amigo próximo tem uma pequena propriedade rural que comporta a criação de algumas dezenas de cabeças de gado e pediu se eu poderia colocar animais por lá, pois o pasto estava muito alto e ele não queria alugar para desconhecidos.

Nunca tinha investido no ramo, mas estudando as cotações acabei achando interessante. O bezerro é comprado com  8 meses de idade. Eles são vendidos em lotes de cerca de trinta animais. A escolha do gado não é tão fácil, mas esse amigo me ajudou com sua experiência no campo. Há vários aspectos a se observar para ver o potencial de engorda de cada cabeça (vivendo e aprendendo: eu criado em apartamento até esses dias não sabia nem diferenciar boi e vaca, rs).  Após dez meses, eles são vendidos como garrotes (18 meses) por um preço 20% maior. Esse preço oscila dia a dia, de acordo com a cotação dos animais em cada estado da federação, mas a diferença entre o bezerro e o garrote costuma ser nessa porcentagem. Veja aqui a cotação

Os custos são baixos, pois um só vaqueiro pode cuidar de até 900 cabeças na criação extensiva, em que o gado fica solto no pasto. Gasta-se com sal mineral e algumas vacinas que também tem o custo muito pequeno. O pasto saiu na faixa. Calculo que a rentabilidade líquida deve dar cerca de 17% em dez meses. Bom não é? Mas não nos esqueçamos dos riscos...

O animal pode morrer de alguma doença, pode ser furtado, a cotação pode cair de repente... Mas acho vale o risco. 

Sou novato no ramo, então se alguém acrescentar informações nos comentários serão de grande ajuda. 

O investimento não foi muito alto, então resolvi diversificar.

Vai demorar mas vou postar o resultado.

Bem, então é isso, vamos ver como me saio nesse novo empreendimento.

Abraço,

Finanças & Gado

"É o olho do dono que engorda o boi"




9 comentários:

  1. Ola. Como vai?
    Voce resumiu bem o investimento...
    É o segundo melhor investimento que considero, atras de ativos financeiros...
    Voce poderia ter mencionado que ha o custo do frete tbm...
    E sobre os riscos lembrado do clima, que influencia bastante no pasto e consequentemente no momento de compra-venda do animal.
    Abraco e sucesso sempre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu a visita Mineiro! Realmente esqueci o frete. Dependendo da distância, o gasto pode ser significativo. No meu caso não era longe, então foi barato. As condições climáticas influenciam bastante também. Em Ativos financeiros tenho meu principal montante. Estou procurando diversificar além de aprender sobre uma nova atividade. Sucesso!

      Excluir
  2. Bom investimento esse! muitas pessoas enriquecem com boi, inclusive existem muitos gambireiros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Beto! Quem sabe entro pra essa estatística do enriquecimento agro?! Abraço

      Excluir
  3. Imagino que em escala, a margem deve ser maior. Vale o risco por 1,7% a.m.??? Achei pouco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu a visita Moacir. Em tempos de Selic rendendo 0,57 a.m penso que vale.Já foi melhor esse negócio bovino em termos percentuais. Vendia-se de bezerro a garrote com uns 80% de lucro. Mas são tempos passados, e precisamos trabalhar com as condições que temos. Abraço!

      Excluir
  4. Interessante, esta semana mesmo estava conversando com uma pessoa sobre isto. Ela me disse que criar vaca é bem mais caro. Já capou os bichos? Andei vendo videos na internet, é uma coisa bem agressiva, estes animais sofrem.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Grande Uó! Acho que não vou precisar capar não. Apenas revender na idade certa. Grande abraço!

      Excluir